A SP-Arte está constantemente em busca de criar e reforçar os laços que unem diferentes agentes do circuito das artes. Por isso, incentiva ações voltadas a artistas, curadores, instituições e galerias. São iniciativas que alavancam oportunidades de educação continuada por meio de bolsas de residência no exterior, oferecidas a criadores brasileiros, e suporte financeiro para o desenvolvimento de projetos criativos.


Illy Sustain Art

sparte2014-illy

Cristiano Lenhardt, representado pelas galerias Amparo 60 e Fortes Vilaça, foi o vencedor da terceira edição da Bolsa ICCo/SP-Arte. Compuseram o júri Fernando Oliva, professor e participante do Laboratório Curatorial 2013, e Fernanda Feitosa, diretora da SP-Arte. O artista ganhou um prêmio de R$ 20.000.

O Illy Sustain Art foi fundado em 2007 com o intuito de impulsionar novos talentos da arte contemporânea em países em desenvolvimento. Entre suas atividades está o Prêmio Illy Sustain Art, realizado em feiras e exposições de arte contemporânea pelo mundo e, desde 2012, também na SP-Arte.


ICCo/SP-Arte

perspectiva_linhas_solo

Na segunda edição do prêmio, foram escolhidos os artistas Alexandre Brandão, da Galeria Leme, e Bruno Cançado, da AM Galeria de Arte. A Residency Unlimited (RU), de Nova York, recebeu Alexandre Brandão por dois meses. Bruno Cançado teve seu período de imersão nos ateliês da Fundação Bienal de Cerveira, em Vila Nova de Cerveira, Portugal.

Na SP-Arte/2015, o ICCo apresentou seu próprio espaço, em que expôs os processos e obras dos ganhadores da Bolsa de 2014. O Instituto produziu e fez a curadoria da exposição, além de conceber o projeto, organizar e acompanhar as residências.

Desde 2013, a SP-Arte e o ICCo – Instituto de Cultura Contemporânea concedem bolsas de residência para artistas representados por galerias participantes da Feira. É mais uma ação da SP-Arte que promove a circulação de agentes do campo das artes.