Saiba quais foram as obras doadas a instituições durante a SP-Arte/2018

16.04.2018 – 17h41

Já virou tradição: durante a SP-Arte, instituições brasileiras são agraciadas com obras do Festival – fruto de doações generosas de amantes da arte. O evento incentiva e se orgulha deste tipo de ação, que só traz benefícios ao cenário da arte e aos frequentadores dos museus.

Até agora, doze obras já foram listadas como doações feitas no Pavilhão durante os dias 11 e 15 de abril. E a lista tende a aumentar!

Confira abaixo as doações confirmadas:

•“Um cigarro e a vida pela janela”, de Maxwell Alexandre, da Galeria A Gentil Carioca, foi doada por Cleusa Garfinkel para a Pinacoteca de São Paulo.

•“Atlântico”, de Arjan Martins, da galeria A Gentil Carioca, foi doada para a Pinacoteca.

•“Peon-born/nascido-peão, por Rondinele” – da série “Eu, mestiço”, assinada por Jonathas de Andrade, da Vermelho, foi doada por Cleusa Garfinkel para o MAM.

• “Corpo mole 3”, de Marcelo Cidade, da Vermelho, foi doada por Renata de Paula para a Pinacoteca.

• Duas obras intituladas “Ele queria ser bandeira”, de Carla Chaim, da Galeria Raquel Arnaud, foram doadas pela Galeria Almeida e Dale para a Pinacoteca.

• Um vídeo e conjunto de documentos da obra “Arte pare”, assinados por Paulo Bruscky, da Galeria Nara Roesler, foram doados para a Pinacoteca.

• Duas colagens da série “Cartas na mesa”, de Sara Ramo, representada pela Fortes D’Aloia & Gabriel, foram doadas pela galeria e por Cleusa Garfinkel para a Pinacoteca.

• A obra “Gruta”, assinada por Patricia Leite, da Mendes Wood DM, foram doadas pelo Iguatemi São Paulo para a Pinacoteca.

• O vídeo “9493”, de Marcellvs L., da Galeria Luisa Strina, foram doadas pelo Iguatemi São Paulo para a Pinacoteca.

#respirearte

#sparte2018