(Foto: Jéssica Mangaba)
Feature

(Mais) aplicativos para quem gosta de arte

Giovana Christ
22 Jan 2020, 2:32 pm

Já existem aplicativos para (quase) tudo no mundo, inclusive para assuntos artísticos! Separamos cinco aplicativos, além dos que já tínhamos listado, que permitem ver obras em realidade aumentada, pesquisar centros de cultura pelo mundo e testar seus conhecimentos sobre arte. Confira a lista!


Este aplicativo é para quem gosta de viajar. Nele, você coloca o endereço (ou usa sua localização) para encontrar museus e centros de arte onde você estiver. Para cada local, é disponibilizado o link do site, o número de telefone e as direções para chegar. O banco de dados conta com cerca de 900 locais, 1500 artistas, e 100 mil obras. Agora não resta mais nenhuma desculpa para não descobrir mais sobre a cena artística em suas viagens!

Link para iOs


The Art Story é um grande dicionário da arte, assim como seu site. Dentro dele, é possível consultar informações sobre artistas e movimentos artísticos, obras e acontecimentos importantes do mundo da arte. Um ótimo aplicativo para ter à mão ao visitar uma exposição ou assistir a uma aula de arte.

Link para iOs


Cobrindo seis séculos de arte, o aplicativo mostra obras com mais de quarenta camadas de profundidade, em animações que permitem ver a obra de vários ângulos. O aplicativo tem uma versão com algumas obras grátis e oferece um upgrade do plano, aumentando o acesso para mais de cem imagens. Os slides são uma ótima forma de relaxar, e são acompanhados pelas composições de Rodrigo Leão.

Link para iOs, Android e Windows


Extremamente moderno, este aplicativo é para quem tem óculos de realidade virtual. Nele, é possível ver obras especialmente feitas por artistas célebres para essa plataforma, como: Marina Abramović, Olafur Eliasson e Anish Kapoor. Experimente ter uma sensação de imersão nas obras com vídeos 360º, trilha sonora selecionada pelo artista e descrição das obras.

Link para Android


Um ótimo jogo para testar os conhecimentos em história da arte, ligar obras ao nome do artista e competir com os amigos conhecedores do tema. Também é possível ser jogado no modo “zen”, sem tempo delimitado e sem marcar pontuação; na versão competitiva, há vinte segundos para responder cada questão e são registrados acertos e erros.

Link para Android


Giovana Christ is a journalism student at ECA – USP, a Brazilian carnival enthusiast and passionate about all types of cultural events. She is part of the editorial team at SP-Arte.

SP‑Arte Profile

Subscribe and stay in touch with the main events in the world of art