(Foto: Masp / Divulgação)
Agenda cultural

Cursos para fazer em março

Giovana Christ
2 mar 2021, 12h49

Março começou e promete grandes agitações no sentido cultural. Aproveite o mês para estudar tópicos como arte e psicanálise, história da fotografia de moda, construção de personagens femininas no audiovisual, história da arte e muito mais! Confira uma seleção de cursos que acontecerão neste mês e não perca.

Acima: (Foto: Masp / Divulgação)

MAM SP

Arte e psicanálise

5 de março a 23 de abril
Sextas, 19h às 21h
R$ 640

Flavia Corpas, psicanalista e curadora de artes visuais, conduzirá o curso que aborda  textos e conceitos relativos à complexa articulação entre arte e psicanálise. Partindo dos escritos freudianos, será analisado como Freud, longe de usar a arte como mera ilustração daquilo que vinha descobrindo em sua clínica, tomou os artistas e suas obras como interlocutores que podem ensinar muito ao psicanalista, como demarcou também Jacques Lacan. Saiba mais e se inscreva pelo link.

 

Artes visuais e o pensamento decolonial

5 de março a 23 de abril
Sextas, 19h às 21h
R$ 600

Os encontros propõem a afirmação de que o conceito de decolonialidade pode ser recente, mas a sua prática já existia, só não estava nomeada anteriormente, estudando o período dos séculos 20 e 21. O curso apresenta pensadores afro-brasileiros que propõem caminhos para se pensar e compreender a formação da sociedade brasileira a partir da análise das relações étnico-raciais. As oito aulas podem ser adquiridas de forma avulsa ou no pacote completo. Mais informações e inscrições no site do MAM.


Boitempo

Introdução ao pensamento feminista negro

8 de março a 12 de abril
Segundas, 11h
Gratuito

As aulas exploram o pensamento de grandes nomes da literatura feminista negra como Angela Davis, Sueli Carneiro, Conceição Evaristo, bel hooks, Patricia Hill Collins entre outras. Cada encontro será mediado por uma mulher que pesquisa ou milita sobre o assunto e que direcionará as pautas. As transmissões serão feitas pela TV Boitempo não são necessárias inscrições prévias. Mais informações no link.


EAV Parque Lage

Exposições como meio

9 de março a 27 de abril
Terças, 17h às 19h
R$ 840

O curso promove uma reflexão sobre as exposições de arte enquanto provocadoras da prática e do discurso da experiência artística, estimulando, assim, um ensaio expositivo coletivo como trabalho final. As aulas apresentarão um panorama da expografia da arte do século XX, que apresenta diferentes relações entre arte, espaço e montagem. Quem conduz os debates é Sonia Salcedo del Castillo, pós-doutora em artes visuais. Mais informações aqui.


Masp

Histórias da arte – moderna e contemporânea

10 de março a 14 de julho
Quartas, 19h30 às 21h30
R$ 1471,50

Estudando a produção artística da segunda metade do século 19 até os dias atuais, o curso, com coordenação de Daniel Jablonski, propõe-se abordar os artistas e suas obras à luz de determinado número de questões, de ordem formal, mas também filosófica e social, relevantes a seus contextos. Cada aula servirá como uma introdução à história da arte moderna e contemporânea e, ao final do curso, o aluno deverá ser capaz não apenas de identificar a produção artística nos períodos abordados, mas também de compreender sua motivação, seus mecanismos históricos e seus impasses diante de questões que seguem em aberto. Inscrições aqui.


Talk of the town

História da fotografia de moda 

10 a 31 de março
Quartas, 19h
R$ 150 por encontro

No curso será analisada a produção dos principais fotógrafos americanos e europeus que colaboram para construir um olhar autoral e inovador na história da fotografia de moda. As aulas, divididas em quatro encontros, abordarão nomes como Baron de Meyer, Irving Penn, David Bailey, Helmut Newton e sua importância para a escrita da fotografia de moda até os dias de hoje. Mais informações no site do Talk of the town.


MIS

Roteiro audiovisual

Como criar personagens
18 a 30 de março
Terças e quintas, 19h às 21h
R$ 120

Dedicadas a estudantes de comunicação, escritores, dramaturgos e roteiristas iniciantes, as aulas discutem as principais abordagens teóricas sobre as definições, funções narrativas e métodos de criação de personagens de séries e filmes, com análise de personagens icônicos e exercícios práticos de criação. O curso será conduzido por Luísa Guanabara, roteirista, professora de roteiro e mestranda em Literatura e Crítica Literária. As inscrições podem ser feitas pelo site do Museu de Imagem e Som.


Fundação Ema Klabin

Curso de fotografia

Leitura de imagens em fotografia
23 de março a 13 de abril
Terças, 19h às 21h
R$ 200

Neste curso de fotografia, serão analisados o processo que leva ao surgimento de uma ideia, o envolvimento do fotógrafo com o fazer fotográfico e os critérios técnicos, estéticos e simbólicos usados para a composição de um projeto. Este minicurso se propõe a ler e comentar os trabalhos dos participantes, auxiliando em seu desenvolvimento e formação a partir de questões como essas com o objetivo de criar uma proposta fotográfica consistente. Saiba mais no site da Fundação Ema Klabin.


Sesc Cpf

Clínica do agora

Arte contemporânea e o pensamento pandêmico
25 de março a 15 de abril
Quintas, 14h às 17h
R$ 70

Alexandre Sá, artista-pesquisador, curador e crítico de arte, conduz o curso que destina-se a debater as diversas estruturas de pensamento que atravessam a atualidade nas relações com os panoramas artístico, filosófico, histórico e psicanalítico. As imagens das obras servirão como estrutura para um pensamento coletivo que se dará a partir da sugestão de textos, das conversas e provocações produzidas em grupo. As inscrições são feitas pelo link.


b_arco

A construção de personagens femininas no audiovisual

29 de março a 1 de abril
Segunda a quinta, 19h às 21h30
R$ 280

O curso pretende fazer uma análise de obras audiovisuais e trazer reflexões sobre o olhar de personagens femininas em filmes e séries de tv através de uma abordagem não formal. Partindo de teorias da filmologia feminista e de filósofas feministas, a roteirista e crítica de cinema Lorenna Montenegro analisa o olhar masculino dominante nos filmes clássicos e o olhar opositor que se molda a partir de produções de cineastas mulheres. As aulas ainda abordam as problemáticas na representação de personagens femininas no audiovisual, o protagonismo das mulheres brancas e a criação de narrativas a partir de outros olhares contra hegemônicos. Mais informações aqui.


Giovana Christ é estudante de jornalismo (ECA–USP), entusiasta do carnaval brasileiro e apaixonada por todos os tipos de manifestações culturais. Faz parte da equipe editorial da SP-Arte.

Perfil SP‑Arte

Assine e fique por dentro dos principais acontecimentos do mundo da arte