Vivian Caccuri

Brasil, 1986


Sobre

Nascida em São Paulo em 1986, vive e trabalha no Rio de Janeiro atualmente. Caccuri experimenta o som em composições incomuns que desorientam o arranjo
convencional das experiências cotidianas. Aparelhagens de som, microfones, alto-falantes, cabos, correntes, redes, lâmpadas e velas são alguns materiais presentes
em suas instalações e performances, que movimentam camadas visíveis e invisíveis, audíveis e inaudíveis da vida.

Entre as exposições das quais participou estão as individuais “Febre Amarela”, galeria A Gentil Carioca (Rio de Janeiro, 2019) e “Água Parada”, no Museu de Arte Contemporânea (MAC Niterói – Rio de Janeiro, 2018); e as coletivas “Sonic Rebellion”, no Museum of Contemporary Art of Detroit (Detroit, 2018) e da 32ª Bienal de São Paulo (2016) com a obra “Incerteza viva” (2016). Em 2018, participou da residência artística da Delfina Foundation, em Londres e em 2016, dos Study Days na Fundação Bienal de São Paulo em Accra, Gana. O seu trabalho integra as coleções do Museu de Arte do Rio (MAR) e da Pinacoteca do Estado de São Paulo.

Fonte: Galeria A Gentil Carioca.

Galerias

Perfil SP‑Arte

Assine e fique por dentro dos principais acontecimentos do mundo da arte