Mitsy Queiroz

Recife, Brasil, 1988


Sobre

Mitsy Queiroz nasceu em 1988 em Recife, Pernambuco, onde vive e trabalha.
Artista visual travestigênere, Queiroz faz da fotografia seu lugar de pesquisa, explorando os
programas de fábrica em busca daquilo que seria considerado falha, diante desses códigos
que precedem toda imagem fotográfica, seja analógica ou digital. Entende no seu processo
criativo a fotografia enquanto corpo sensível, buscando novas formas de relacionamento
que lhe destituem do controle absoluto do resultado, preservando as intenções que animam
essa superfície de contágio. Na pesquisa de mestrado em artes visuais pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais - UFPE, investigou o atravessamento do tempo no processo criativo e o quanto a dissolução dessas programações espelham a experiência de um corpo em transição, que ressurge entre as ruínas da cisheteronorma.

Entre as exposições das quais participou estão as coletivas "Entremoveres" no Museu da Abolição (Recife, 2019), "Ocupira" na I Feira Autônoma Sexodissidente no MAMAM (Recife, 2018), o VIII Salão Universitário de Arte Contemporânea do Sesc-PE (Recife, 2017), "EIXO 2018" na Fábrica Bhering (Santo Cristo, 2018).

Galeria

Perfil SP‑Arte

Assine e fique por dentro dos principais acontecimentos do mundo da arte