Marsiaj Tempo Galeria recebe primeiras exposições individuais do ano

20 Feb 2015, 4:31 pm

A carioca Marsiaj Tempo Galeria, cuja estreia acontece na SP-Arte/2015, recebe a partir desta terça-feira (24) suas duas primeiras exposições individuais do ano: o espaço da galeria recebe trabalhos do mineiro Iuri Sarmento, enquanto o anexo é ocupado por obras do nova-iorquino Steve Miller.

As pinturas de Sarmento se relacionam com nossa herança visual portuguesa e nos remetem a imagens recorrentes em nossa memória cultural e afetiva.

No imaginário barroco de suas obras estão presentes técnicas de confecção de porcelanas, azulejos e bordados, alguns estampados com a imagem da azulejaria azul e branca do barroco português ou com fragmentos de ícones da pintura universal. Suas composições elogiam o excesso e a saturação, com cores, texturas e detalhes diferentes, como listras e bolas, flores e figuras geométricas.

 

Steve Miller no Anexo

Em agosto de 2011, Miller trabalhou no Museu Paraense Emílio Goeldi, a mais antiga instituição de pesquisa científica sobre a Amazônia brasileira, localizada em Belém do Pará.

Usando equipamento de Raio X, ele registrou animais da região, sempre em preto e branco. Esse trabalho é extensão do projeto “Saúde do Planeta”, iniciado em 2007, quando registrou plantas amazônicas. Parte do resultado obtido nessa ocasião será mostrado no espaço anexo da galeria, em preto e branco.

Por hora a nova Marsiaj Tempo continua em Ipanema, no endereço da antiga Galeria Laura Marsiaj: Rua Teixeira de Mello, 31 loja C, Ipanema. No próximo mês de setembro, o espaço se transfere para o Jockey Club, na Gávea.