Oficina Cultural Oswald de Andrade recebe a instalação de Teresa Berlinck e Julio de Paula

6 Sep 2016, 10:05 am

Está em cartaz na Oficina Cultural Oswald de Andrade a instalação Pai dos Burros, projeto conjunto dos artistas Teresa Berlinck e Julio de Paula.

Fundada em questões acerca das formas assumidas pela cultura tradicional na contemporaneidade, a exposição reúne 400 desenhos e uma peça sonora que revisitam e recriam o Dicionário do Folclore Brasileiro, de Luís da Câmara Cascudo, contrapondo-o à memória contemporânea e à Internet.

A obra publicada em 1954 pelo historiador, advogado e etnólogo potiguar, interlocutor de Mário de Andrade, compila práticas culturais tradicionais de todo o país: lendas, superstições, indumentárias, comidas, bebidas, crenças, estilos musicais e danças. Trilhando caminhos paralelos, os autores de Pai dos Burros se propõem a revisitar e “atualizar” verbetes do Dicionário.

Os desenhos de Teresa Berlinck têm como suporte as páginas da obra. Pesquisando no Google Imagens os verbetes destacados no alto de cada página, a artista seleciona imagens que servem de base aos desenhos, feitos em tinta nanquim, a pincel e bico de pena. Por sua vez, a peça sonora de Julio de Paula tem a intenção de transpor para a linguagem sonora um repertório oriundo da tradição oral (ouça fragmentos aqui).

Com curadoria de Maria Catarina Duncan, Pai dos Burros segue exposta até 08 de outubro. Anote o endereço: Rua Três Rios, 363, Bom Retiro. Você encontra mais informações no site das oficinas culturais do Estado.

SP‑Arte Profile

Subscribe and stay in touch with the main events in the world of art