Na próxima terça-feira (24), a Galeria Luisa Strina abre suas últimas exposições de 2015: Armazém de Mim, individual de Marepe, e Coleções 10, uma seleção de fotografias organizada por Nessia Leonzini com assistência de Liu Lage.

Marepe apresenta sobreposições de referências e significados no uso de materiais prontos e objetos do cotidiano. As obras procuram deslocar esses itens para lugares diversos e, assim, fazer que sejam admirados pela primeira vez.

Ao afastá-los sua função original e transformá-los, o artista faz uso de recursos do Dadaísmo e do universo popular brasileiro.

Já a coletiva Coleções 10 é composta de trabalhos em fotografia de alta tiragem. A série, que que começou no ano 2000 com curadoria de Nessia Leonzini, já apresentou mais de 100 artistas brasileiros e estrangeiros.

Esta edição traz 23 artistas que trabalham também em outros suportes. Destaque para nomes como Matheus Rocha Pitta, Rosângela Rennó, Rochelle Costi, Alexandre da Cunha e Pedro Motta – um dos ganhadores da Bolsa ICCo/SP-Arte em 2015.

 

Lançamento do livro de Jarbas Lopes

Além das duas aberturas, a galeria recebe, na mesma ocasião, o lançamento das Coleções Zines Cicloviaérea, de Jarbas Lopes. O livro de artista, feito artesanalmente, tem sua primeira edição limitada a 49 exemplares, numerados e assinados.

 

Serviço

Tanto Marepe quanto Coleções 10 ficam em cartaz até 30 de janeiro. A Galeria Luisa Strina está na Rua Padre João Manuel, 755, Cerqueira César. Mais informações no site.

SP‑Arte Profile

Subscribe and stay in touch with the main events in the world of art