No Rio, Silvia Cintra + Box4 abre individual com obras inéditas de Amilcar de Castro

11.04.2017 – 9h55

A galeria Silvia Cintra + Box 4, na Gávea, abre no dia 19 de abril (quarta-feira) uma mostra em homenagem ao escultor mineiro Amilcar de Castro, na qual ganham destaque trabalhos inéditos e curiosidades de seu processo criativo.

Em uma série de 10 desenhos em papel, com esboços das esculturas feitas por ele ao longo da década de 1980, é possível ver anotados cálculos, prováveis títulos das peças e até telefones de fornecedores. Outros dois desenhos maiores e uma maquete mostram os testes do artista para a famosa “escultura de vidro” – que também integra a exposição.

Outro destaque é o tampo de uma mesa de madeira usada como apoio. Depois que essa superfície estivesse suja de tinta, o artista realizava de fato uma pintura sobre a memória de camadas. Amilcar considerava os 15 tampos que realizou ao longo da carreira como suas únicas pinturas, já que chamava suas telas de desenhos.

No campo das esculturas, é apresentada uma grande obra em aço cor-ten dos anos 1950 – uma das primeiras feitas em grande formato – e uma pequena escultura em granito – a única nesse material em toda sua trajetória.

Amilcar de Castro permanece em cartaz até 24 de junho e a Silvia Cintra + Box 4 fica na Rua das Acácias, 104, Gávea. Para mais informações, acesse o site da galeria.