“Meninas no pátio”

Cícero Dias


Sobre o Artista

Cícero Dias
1907

Um dos mais significativos integrantes da primeira geração de artistas modernos, Cícero Dias participou, em 1928, do Movimento Antropofágico, liderado por Oswald de Andrade. Suas pinturas, desenhos, ilustrações e gravuras transitam pelo figurativismo e pela abstração. Em 1937, perseguido pelo Estado Novo e com apoio de Di Cavalcanti, foi para Paris, onde conheceu Henri Matisse, Fernand Léger e Pablo Picasso, que influenciaram fortemente a sua obra. Com este último estabelece um forte laço de amizade, o que possibilita a vinda de Guernica para a Bienal de São Paulo de 1953. Utilizando-se de cores tropicais, Cícero Dias sempre valorizou a tentativa modernista de combinar os elementos nacionais com uma linguagem universal. Eu vi o mundo... ele começava no Recife é aclamada como obra-prima da sua trajetória e de grande importante na história da arte nacional. Quando exibida ao público pela primeira vez, em 1931, ela causou escândalo devido às imagens de mulheres nuas e mandaram lhe cortar uma parte. Ficou três metros menor, ainda sim com 12 metros de comprimento. No começo de 2014 a obra cobriu uma parede inteira do Museu de Arte do Rio (MAR). Fonte: Galeria Almeida e Dale


Mais obras do artista


Mais obras da galeria


Mais artistas da galeria