Sobre

Tendo como matriz criativa o design escultórico, a peça deriva do trabalho de pesquisa do designer e de sua busca pelo resgate histórico de movimentos artísticos seculares, através de vieses identitários, traduzidos em um traço contemporâneo: a cadeira traz em suas referências o estilo manuelino, presente nas igrejas baianas do período colonial, e o equilíbrio construtivo em sua base triangular. Daniel Jorge traz no design imagens marcantes de sua vida, além de materialidades presentes em sua história - como o trabalho em couro que remete ao seu avô, Sebastião, que era sapateiro.

Perfil SP–Arte

Crie seu perfil SP–Arte para receber nossas newsletters, criar suas coleções e ter uma experiência personalizada no nosso site