Sobre

“Há uma sedução na obra de Leirner, em sua repetição; na lentidão de sua produção, onde materiais levam décadas para serem acumulados e podem se transformar em esculturas com incrível rapidez”

— Oliver Basciano, 2 + 2 = 4
Ensaio crítico, Fortes D’Aloia & Gabriel, 2021

Perfil SP–Arte

Crie seu perfil SP–Arte para receber nossas newsletters, criar suas coleções e ter uma experiência personalizada no nosso site