Sobre

A linha sai do chão em direção ao alto, flexiona na paralela, curva em direção ao outro lado e faz o caminho inverso até voltar para o chão. Esse traço contínuo no espaço dá nome ao desenho – cadeira Alça – e confere unidade aos diferentes elementos. O encosto é encaixado no interior da alça, como se por ela abraçado. Em resposta ao encontro, a moldura inclina-se sutilmente para trás. Tensionada entre tal angulação e a curvatura no topo, a tela de palhinha molda-se perfeitamente às costas. A alça cria os braços da cadeira, no qual os homônimos humanos apoiam-se naturalmente.


Perfil SP–Arte

Crie seu perfil SP–Arte para receber nossas newsletters, criar suas coleções e ter uma experiência personalizada no nosso site