Mostra na Luciana Brito Galeria revela importância do desenho na arte de Fernando Zarif

16 set 2015, 12h52

A Luciana Brito Galeria inaugura neste sábado (19) “Antes de começar termino”, primeira individual de Fernando Zarif no espaço.

A exposição serve como porta de entrada para o complexo corpo de trabalho do artista, ainda pouco conhecido no país – principalmente pela relutância do próprio Zarif em divulgar sua obra.

Contemporâneo da chamada geração 1980, ele construiu um acervo na direção oposta às tendências da época, marcada pela profissionalização do mercado e um circuito cada vez mais institucionalizado das artes. De maneira independente, produziu em diversos suportes e diferentes campos culturais: criou pinturas, esculturas, desenhos, fotografias, performances, concertos, capas de discos, óperas, músicas e videoinstalações.

Composta por cerca de 15 obras,“Antes de começar termino” traz um recorte da produção de Zarif guiado por um olhar sensível à relevância do desenho em seu processo artístico e às inúmeras formas que esse desenhar assumia.

A mostra fica em cartaz até 12 de novembro no endereço: Rua Gomes de Carvalho, 842. Mais informações no site.