Mendes Wood DM apresenta novas individuais de Daniel Steegmann Mangrané e Adriano Costa

25 nov 2015, 17h10

A galeria Mendes Wood DM recebe, a partir de quinta-feira (26), novas exposições do catalão Daniel Steegmann Mangrané e do paulistano Adriano Costa.

A terceira individual de Mangrané no espaço, intitulada “Kingdom of all the animals and all the beats is my name”, apresenta duas obras inéditas no Brasil.

“Phantom” e “Spiral Forest” são investigações do mesmo espaço em uma floresta brasileira, por meio de tecnologias analógica e digital, respectivamente. Enquanto a primeira destaca a própria floresta vista por um óculos de realidade virtual, a segunda traz um registro em vídeo de uma câmera gimbal na mesma parte da mata. O espectador passa de protagonista, caminhando pela floresta, a observador, seguindo a câmera em ângulos improváveis.

Por sua vez, Adriano Costa radicaliza sua posição a respeito da forma em “Every Camel Tells a Story” – título extraído do jingle dos cigarros Camel.

A reunião de trabalhos inéditos, apesar de reunir mídias diversas, traz o desenho (depois do pensamento, a primeira manifestação física que registra o mesmo) como ponto de ligação. Em quase todos eles, pode-se ver claramente traço e linha.

As exposições ficam em cartaz até o dia 20 de fevereiro na Mendes Wood DM. O endereço é Rua da Consolação, 3358, Jardins. Mais informações no site da galeria.