Brasiliense Gisele Lima é selecionada no primeiro Edital OMA de curadoria

26.10.2018 – 15h50

Lançado oficialmente pela OMA Galeria na 12ª edição da SP-Arte/Foto, em agosto, o Edital OMA de curadoria acaba de anunciar o vencedor, ou melhor, vencedora desta primeira premiação: a brasiliense Gisele Lima.

Graduada em teoria, crítica e história da arte pela Universidade de Brasília, Gisele apresentou o projeto “Métrica”, uma mostra coletiva com os artistas também brasilienses Gustavo Silvamaral, Guilherme Moreira e João Trevisan. Com a iniciativa, a curadora pretende destacar o pensamento em torno da matemática do sensível, levando em consideração as singulares cores e formas da arquitetura da capital brasileira. A ideia é reverberar a noção de pertencimento em um cenário marcado pelo modernismo e pela tumultuosa convivência política. A mostra “Métrica” está prevista para ocorrer ainda neste ano, entre novembro e dezembro, na OMA Galeria, em São Bernardo do Campo (SP).

“Brasília ainda possui um circuito artístico-cultural pequeno se comparado com São Paulo ou Rio de Janeiro. Conseguir levar o meu trabalho e as obras dos artistas envolvidos na mostra para a capital paulista através de uma iniciativa tão generosa e importante como essa da OMA Galeria gera um sentimento não apenas de reconhecimento, mas de esperança,” afirma Gisele.

Criado com o intuito de fomentar e estimular jovens curadores no cenário da arte contemporânea, o edital oferece um prêmio de R$ 5 mil ao projeto contemplado e todo o suporte necessário para a produção da exposição. Para selecionar a iniciativa, um comitê de avaliação, formado pela OMA e por especialistas, levou em consideração a originalidade, a qualidade, a viabilidade e o alinhamento com a proposta curatorial da galeria. Foram recebidas projetos de curadores de sete estados do país.

“Não tínhamos a real dimensão do alcance do edital em âmbito nacional, ficamos bastante surpresos com a qualidade e quantidade de inscritos”, menciona o galerista Thomaz Pacheco. Ele destaca ainda que outras propostas curatoriais chamaram a atenção do comitê de avaliação e podem participar de futuras programações na galeria.

 

#respirearte