Galeria Mezanino apresenta simultaneamente duas exposições duplas

16 out 2015, 17h27

A Galeria Mezanino apresenta simultaneamente, a partir de terça-feira (20), duas exposições duplas: “Estandartes e fábulas”, de Claudio Mubarac e Ulysses Bôscolo, e “Frutos da Dinamarca”, resultado de residência artística de Francisco Maringelli e Sergio Kal. Ambas têm curadoria de Renato De Cara.

A primeira traz 50 obras – 25 de cada artista. Ambos nutrem paixão pela imagem impressa e suas variações por meio do tempo.

Mubarac apresenta uma série de estandartes com papéis preciosos de várias procedências, além de ícones impressos em chapas de chumbo, folheadas a ouro, prata e cobre, todas em metal. Bôscolo expõe xilogravuras, objetos e álbuns de madeira com séries em papel japonês.

 

Paisagens dinamarquesas

“Frutos da Dinamarca” é composta por pinturas em acrílico sobre lona e pastel sobre papel, em tons terrosos. São seis obras de Francisco Maringelli e 12 de Sergio Kal.

Os trabalhos tiveram origem em uma temporada que os artistas passaram em Glusted, no país nórdico, criando novos significados para as paisagens.

Maringelli, que já tem seu repertório e expressão desenvolvidos nas técnicas de pincéis e tintas, usa a acrílica para retratar seu entorno, entre cantos esquecidos e casas de madeira, enquanto Kal, desenhista e gravurista, partiu para o papel com um cartela de cores terrosas, usando o pastel seco.

 

Serviço

Tanto “Estandartes e fábulas” quanto “Frutos da Dinamarca” ficam em cartaz até 14 de novembro. O endereço é Rua Cunha Gago, 208, Pinheiros. Mais informações no site da galeria.