Galeria Marilia Razuk abre nova individual da colombiana Johanna Calle

24.03.2017 – 11h10

A Galeria Marilia Razuk abre em 25 de março (sábado) a exposição Babel: Drawings by Johanna Calle, terceira individual da artista colombiana no espaço. Ganha destaque um conjunto de 79 obras, divididas em três séries que integram sua produção mais recente: Minúsculas, Párrafos e Simbiontes.

Johanna faz uso de materiais inusitados como fios, ferro e malhas de arame e aço, construindo seus desenhos por meio de técnicas como costura, perfuração e textos manuscritos e datilografados.

Frequentemente, sua obra faz referência a problemas sociais da América Latina, denotando fragilidade, precariedade, resistência e transgressão. Para isso, utiliza a palavra como embrião e toma como matéria-prima não apenas o espanhol, mas também línguas e alfabetos diversos.

A série Minúsculas, por exemplo, é composta por 77 trabalhos realizados em papel japonês datilografados, cujos textos, compostos pela combinação de milhares de letras minúsculas, podem ser vistos de modo habitual e também de trás para frente. Párrafos (parágrafos, em português) também questiona estruturas linguísticas em 12 trabalhos, compostos por bases em MDF, sobrepostos a linhas retas de aço, combinadas a sistemas de letras antigas em borracha.

Drawings by Johanna Calle fica na Marilia Razuk até 20 de maio. O endereço: Rua Jerônimo da Veiga, 131, Itaim Bibi. Saiba mais sobre a exposição no site da galeria.