Dallas Contemporary recebe exposição solo de Adriana Varejão

17 set 2015, 20h16

A instituição Dallas Contemporary abre neste sábado (19) a segunda individual da brasileira Adriana Varejão nos Estados Unidos.

Em “Kindred Spirits”, ela apresenta uma nova série de pinturas que explora temas como colonialismo e identidade cultural. Usando sua própria imagem como ponto de partida, a artista muda sua aparência através de alterações de tons e pinturas faciais.

Em três corpos de trabalho, Varejão questiona a ideia de pureza e estabelece relações entre distintas tradições artísticas, grupos sociais, conceitos e identidades.

As influências e fontes vão de formas geométricas usadas por povos indígenas da Amazônia a resultados da pesquisa realizada na divisão de arqueologia e etnografia da Universidade de Harvard, além do trabalho do retratista norte-americano George Catlin e do minimalismo de Donald Judd e Agnes Martin.

“Kindred Spirits” tem curadoria de Pedro Alonzo, curador adjunto da Dallas Contemporary, e fica em cartaz até 20 de dezembro. Mais informações no site do espaço.