Arte no 8 de março: Dia Internacional da Mulher tem programação especial nos museus de SP

08.03.2017 – 9h10

Este 08 de março, Dia Internacional da Mulher, é tempo de reflexão, visitas e homenagens a artistas em diversos museus e instituições de São Paulo. Muitos têm entrada gratuita para as mulheres na ocasião e alguns estendem sua programação especial por toda a semana.

O Masp, por exemplo, abre suas portas para todas elas na data. E como parte de uma programação dedicada a artistas mulheres, a próxima exposição, com abertura em 27 de abril, será da mineira Teresinha Soares, pioneira em abordar questões feministas nos anos 1960 e 1970. Quem tem medo de Teresinha Soares? será a primeira retrospectiva da artista em um museu e sua primeira individual em 40 anos. O programa segue com uma mostra da carioca Wanda Pimentel, em maio, e trabalhos do coletivo Guerrilla Girls, em setembro.

Além disso, no dia 11 de março (sábado), o Masp dá início a um ciclo de palestras que enfoca obras de artistas mulheres com um debate sobre Anita Malfatti. Bárbara Wagner (em abril), Paula Trope (maio) e Tomie Ohtake (junho) serão temas das próximas conversas da série Masp Palestras. Mais informações no site.

Já o MAM, em parceria com a ONU Mulheres, sedia a Semana de Artes HeForShe, evento global pela igualdade de gênero que ocorre simultaneamente em outras sete cidades do mundo. O museu vai sediar palestras, mesas-redondas, shows, espetáculo teatral e uma exposição – A mulher e o Trabalho – em sua biblioteca. Toda a programação é gratuita e segue até 14 de março (terça-feira). Confira os detalhes aqui.

 

MIS e Museu Afro Brasil

Também no dia 08, às 20h, o Museu da Imagem e do Som (MIS-SP) exibe o making of do filme Era o Hotel Cambridge, que estreia nacionalmente em 16 de março. Dirigido por Eliane Caffé, o longa narra a trajetória de refugiados recém-chegados ao Brasil, que, juntos com trabalhadores sem-teto, ocupam um antigo edifício no Centro de São Paulo. Eliana e Carla Caffé realizarão debate ao final da apresentação. Para participar, é necessário retirar os ingressos gratuitos com uma hora de antecedência na recepção (veja aqui).

Por sua vez, o Museu Afro Brasil faz, em todos os domingos de março, às 14h, visitas monitoradas com o tema “Mulheres Negras” na exposição de longa duração do espaço. O objetivo é revelar a contribuição histórica de mulheres pintoras, escritoras, líderes religiosas, entre outras personagens fundamentais no país. A agenda completa está no site do museu.

 

Outras atividades e instituições

Instituições como a Pinacoteca de São Paulo e o Museu do Futebol também têm mostras e atividades especiais no 08 de março. Você encontra mais informações sobre esses e outros espaços no site da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo.