Galeria Marcelo Guarnieri traz retrospectiva do trabalho fotográfico de Mário Cravo Neto a São Paulo

1 ago 2016, 10h20

Está em cartaz na filial paulistana da Galeria Marcelo Guarnieri uma retrospectiva do trabalho fotográfico de Mário Cravo Neto (1947-2009).

A mostra apresenta desde registros inéditos do baiano, que transita entre o universo religioso africano e a arte contemporânea, até trabalhos conhecidos, como Eterno Agora. Sua série mais famosa, ela aparece complementada por cópias de época inéditas. Produzidas do final de 1970 até a década de 1990, as fotografias têm impressão em gelatina e prata e são todas em preto em branco.

Já Laróyè, composta apenas por imagens coloridas, reúne fotografias feitas nas ruas de cidades da Bahia, onde, além de captar a atmosfera e a veneração à ancestralidade e cultura da África, Cravo Neto também expressa uma crítica social sutil.

Momentos afetivos e pessoais aparecem retratados pelas lentes do também fotógrafo Vicente Sampaio, que acompanhou Cravo Neto até o fim de sua trajetória artística e expõe pela primeira vez imagens do amigo.

Mário Cravo Neto segue na Galeria Marcelo Guarnieri de São Paulo até 27 de agosto. Anote o endereço: Alameda Lorena, 1966, Jardins. Você encontra mais informações sobre a exposição no site do espaço.