Para jornal italiano, SP-Arte é "o hub do colecionismo latino-americano"

16 Apr 2015, 9:48 pm

O diário de economia e negócios italiano Il Sole 24 Ore publicou uma matéria exaltando a SP-Arte e sua importância no cenário das artes nas Américas.

Escrito por Sara Dolfi Agostini, o texto trata dos mecanismos de redução de impostos durante a Feira e de outros fatores que impulsionam o mercado local de arte e atraem galerias de renome internacional.

“Em sua 11ª edição, a SP-Arte é fundamental para 140 galerias brasileiras e estrangeiras, como Lisson, Marian Goodman e David Zwirner, e ainda para quatro italianas: Cardi , Lia Rumma, Franco Noero e Continua”, frisa.

Entre as galerias brasileiras, o jornal destaca Vermelho, Luisa Strina, Luciana Brito, Mendes Wood DM, Fortes Vilaça e Casa Triângulo. “Nos últimos anos parece impossível não encontrar seus artistas em museus e feiras de arte no Ocidente”.

#sparte2015