Instituto Tomie Ohtake recebe obras do acervo de Andrea e José Olympio Pereira

6 Sep 2016, 11:45 am

O Instituto Tomie Ohtake apresenta até 23 de outubro a mostra Os Muitos e o Um: Arte Contemporânea Brasileira na Coleção Andrea e José Olympio Pereira.

Com curadoria do crítico norte-americano Robert Storr e apoio de Paulo Miyada, a coletiva exibe cerca de 300 obras – entre pinturas, desenhos, esculturas, instalações e vídeos – de mais de 100 artistas brasileiros, selecionadas entre as mais de duas mil integrantes de uma das mais importantes coleções do país.

O conjunto destaca trabalhos icônicos de Alfredo Volpi, Ivan Serpa, Lygia Clark, Lygia Pape, Mira Schendel, Willys de Castro, Helio Oiticica, Amilcar de Castro, Adriana Varejão, Tunga, Claudia Andujar, Leonilson, Daniel Senise, Rivane Neuenschwander, Rosangela Rennó, entre outros, dos anos 1950 até hoje.

Os Muitos e o Um: Arte Contemporânea Brasileira ocupa todos os espaços expositivos do Instituto Tomie Ohtake. O endereço é Avenida Brigadeiro Faria Lima, 201, Pinheiros. Saiba mais no site do espaço.