Galeria Jaqueline Martins abre primeira individual de Daniel Santiago em São Paulo

29 Jun 2015, 9:29 am

A Galeria Jaqueline Martins apresenta a partir deste sábado (04) a exposição “O que Parece Mentira é Poesia”, primeira individual de Daniel Santiago em São Paulo, sob curadoria de Cristiana Tejo.

O artista discute questões existenciais e experimentos realizados nos últimos 50 anos através de vídeos, desenhos, fotografias e performance.

Conhecido por sua atuação na Arte Correio e na dupla Equipe Bruscky & Santiago, na qual atuou ao lado de Paulo Bruscky, seu trabalho não se limita às contestações estéticas dos anos 1970, abordando a captação em desenho da paisagem até a interferência poética na cidade por meio de performances e instalações.

Sua obra é carregada de questionamentos sobre solidão, vida e liberdade, sempre baseados na literatura e no teatro.

O conjunto de trabalhos retrata sua pesquisa sobre as questões da poesia e do artificio. Através de Augusto dos Anjos, personagem que encarna, Santiago dialoga com o escritor Fernando Pessoa e transfere para o outro seu discurso. Ele também interage com leitores de jornal, publicando mensagens na parte dos classificados e inserindo poesia nesse contexto de informações.

“O que Parece Mentira é Poesia”, de Daniel Santiago, fica em cartaz até 1º de agosto na Jaqueline Martins. O endereço: Rua Dr. Virgílio de Carvalho Pinto, 74. Mais informações no site da galeria.