Em debate sobre a pintura, mostra na Fortes D’Aloia & Gabriel reúne telas com intervenções

6 Feb 2017, 11:25 am

Para abrir seu calendário de exposições em 2017, a Galeria Fortes D’Aloia & Gabriel inaugura no dia 06 de fevereiro (segunda-feira) A Terceira Mão, coletiva com curadoria de Erika Verzutti. A mostra reúne um conjunto de pinturas que têm em comum a tridimensionalidade e o uso de objetos em sua superfície.

Verzutti selecionou um conjunto de trabalhos que remetem a sua própria prática no ateliê como artista – e a maioria foi produzida exclusivamente para o projeto. Além de uma obra de Adriana Varejão, de 1992, e uma tela de Isa Genzken, da série Geldbild, ganham destaque trabalhos de Daniel Sinsel, Gabriel Lima, Matthew Lutz-Kinoy, Daniel Albuquerque, Daniel Rios Rodriguez, Gokula Stoffel, Francesco João Scavarda, Pedro Caetano e Adriano Costa.

A “terceira mão” do título alude a um ritual de finalização, no qual penas, dedos, ovos, sangue, cabelos, cigarro e dinheiro são adicionados no final da produção da obra. É também uma citação enviesada do processo descrito pelo pintor norte-americano Philip Guston, no qual uma presença externa interfere nas decisões do artista.

A Terceira Mão fica em cartaz até 25 de março na Fortes D’Aloia & Gabriel. O endereço é Rua Fradique Coutinho, 1.500, Vila Madalena. Saiba mais sobre a mostra no site da galeria.