Coletiva na Galeria Vermelho se volta para a crítica do desenvolvimento social no Brasil

12 May 2015, 7:37 pm

A Galeria Vermelho abriga, a partir desta quinta-feira (14), a coletiva “Aprendendo a Viver com a Sujeira”. Podem ser vistos trabalhos de André Komatsu, Keila Alaver, Lia Chaia, Marcelo Cidade e Nicolás Robbio.

Além de amigos próximos, os artistas dividiram um mesmo estúdio no Belenzinho, em São Paulo. A partir de traços históricos desse bairro, que abrigou diferentes faces da característica progressista da cidade – da industrialização do começo do século até o até o abrigo de presos políticos do Estado Novo – o olhar se volta para a observação e crítica de diferentes características do desenvolvimento social.

Alguns investigam a formação do Estado brasileiro via características formativas, outros desafiam o olhar para pequenezas do cotidiano, podendo encontrar o belo em elementos descartados e que guardam rastros de sua origem.

“Aprendendo a Viver com a Sujeira” fica em cartaz até 06 de junho na Vermelho. Anote o endereço: Rua Minas Gerais, 350. Para mais informações, acesse o site da galeria.